Série “Antigos Pensamentos” – 22/06/2009 – Tipo usar cachecol

Eu me lembro de quando eu comprei um cachecol, me lembro da sensação de estar quentinho pela manhã enquando ia pegar o ônibus para o trabalho e via todas aquelas pessoas com frio e eu me sentindo quentinho embaixo do meu cachecol, mas isso mudou, hoje é moda você sair  e usar um cachecol branco, roxo, rosa ou até aqueles que parecem um lenço daqueles utilizados por algumas milícias do oriente médio, e isso me faz sentir como se aquele sentimento de calor que eu achava que era único se tornasse uma coisa comum e banal.

Assim como falar “Eu te amo”, hoje virou uma moda ridícula falar “Eu te amo”, casais que não se conhecem nem a um mês já escrevem eu te amo no Orkut, Msn, Hi5, Facebook e agora também no Twitter. Gente amar é um sentimento complexo e não é algo adquirido em um mês de relacionamento, ás vezes nem em anos de relacionamento, amar é algo além de carinho, beijos e abraços, amar é muitas vezes colocar o outra a nossa frente, muitas vezes abrir mão do nosso orgulho, porque isso vai fazer a outra pessoa feliz. Meus caros amantes, amor não é só carinho, não é paixão, não é só tesão, é um pouco disso tudo e é muito mais que isso tudo, apenas aqueles que já amaram de verdade e já provaram que amavam de verdade, e eu quando digo provar, não digo provar para os outros, eu falo de provar para si mesmo, eu já chorei por amor, já ri por amor, já cheguei até a ficar feliz porque a pessoa que eu amava estava feliz com outra pessoa.

Amar não é apenas dizer “Eu te amo”, é sentir isso em toda a sua extensão e força, pensem comigo, você vai saber que está amando quando não for mais necessário dizer isso para a pessoa ao seu lado, quando ela ou ele simplesmente te olhar e souber que é amado, quando suas ações provarem isso… O Clube dos Românticos Assumidos agradece por você não desperdiçar “eu te amo”, como se fosse um bom dia, ou como se fosse um oi. Eu sei que muita gente irá dizer: “ Você não está aqui para saber como eu me sinto”, fato! Eu não estou e provavelmente só você vai saber a extensão desse sentimento que tem guardado aí dentro, mas tente se lembrar que amar é algo maior, bem maior do que hoje se pinta por aí.

Eu sei que este post combina mais com frio, mas eu não poderia esperar até junho para falar que amar é uma coisa única.

“Olhe para uma pessoa com amor e se isso for verdade ela saberá que é amada” – Philippe Carvalho

Anúncios

9 comentários sobre “Série “Antigos Pensamentos” – 22/06/2009 – Tipo usar cachecol

  1. é meu caro, isso chega a ser nostálgico. À cinco anos atrás, pelo menos eu acho, as pessoas ainda não haviam banalizado tanto as coisas, e só diziam eu te amo se realmente amassem, hoje se diz eu te amo pra quem se conheceu ontem e isso é realmente muito frustrante!

    • Adorei seu blog em primeiro lugar! Hoje frustação é um sentimento constante quando eu falo de relacionamentos, vejo que muito se perde falando de sexo e pouco se acha falando de amor, amor de verdade, não aquele “amor miojo”. Obrigado por essa visita.

  2. Hoje em dia todo mundo acha que ama! Conhece uma pessoa a uma semana e diz que a ama… As pessoas hoje em dia dizem isso como se fosse um “OI”. Na internet então… Parece que os namorados virtuais estão cada vez mais apaixonados, mas não passa de modismo.
    enfim ultimamente tem havido uma grande banalização contra esta palavra , para tudo é ”eu te amo” , e acaba-se esquecendo o verdadeiro amor . Não se diz algo tão sagrado a uma pessoa sem a certeza de não nos arrependermos…..e de realmente sentimos este sentimento tão nobre e tão raro que é o amor. Só digo eu te amo quando sinto isso de verdade. Não saio propalando “Eu te amo” da boca para fora para ninguém. Sao falso quando me dizem isso sem um sentimento verdadeiro por trás. Meu irmão e minha cunhada vivem repetindo isso como dois papagaios e eu não acho nem um pouco bonito. Ainda dizem assim: “Nós amamos vocês todos aí!” Acho a frase muito forte prá ficar dizendo atoa.

    Adorei o blog !

    • Bruna,

      Primeiro agradeço a sua visita, e é simplesmente revoltante o como as pessoas acham que “eu te amo” é uma saudação. Acho que as pessoas que vivem este modismo não sabem o que é amor, ás vezes acontece depois de sentir esse sentimento verdadeiro de mudar a atitude. Bem se for assim, espero que todos amem uma vez na vida.

  3. Oi, Phil !!

    Concordo plenamente com vc quanto à banalização da frase “eu te amo”. Realmente, a maior parte das pessoas, principalmente os mais jovens, já que os relacionamentos hoje começam numa idade cada vez menor, nem sequer tem noção de que amar não é o mesmo que simplesmente gostar ou simpatizar…
    Acredito que a raiz do problema é muito mais profunda. que as pessoas não conseguem identificar o amor real e verdadeiro pelo fato de que ninguem pode dar o que desconhece ou jamais recebeu…
    Mas vim defender os namoros virtuais…eu, como boa gaúcha, dou um boi pra não entrar numa briga, mas dou uma boiada pra não sair dela…
    Admito que há exageros, que muitas pessoas falam de amor em pouco tempo sem a devida noção do que realmente sentem.
    Mas a generalização é um absurdo! e dizer que namoro virtual é “modinha”, me mordeu como um desrespeito.
    Acho que existem namoros e namoros…como em tudo na vida, sempre há dois lados.
    Eu me considero adulta e vivida o suficiente para saber o que sinto e quando digo “eu te amo”, falo com o coração e não simplesmente com a boca, dos dentes pra fora…
    Amar é muito mais que a sensação quentinha e segura de um cachecol…é abrir mão de seu amor, se isso for o melhor pra ele, é saber dar espaço pra que a outra pessoa viva sua individualidade, enfim, eu ficaria o dia todo discorrendo sobre isso aqui.
    Mas quero só defender que amo, simplesmente isso. E me sinto no direito pleno de declarar isso. Beijo! ;*

    • Tati,

      Os namoros virtuais existem muitos antes da internet, quando as pessoas ainda se falavam somente por cartas porque moravam muito longe, eu sou contra o modelo de namoro virtual onde o casal mau se conhece e sai falando eu te amo, como um bando de idiotas, o seu caso em especial é uma exceção a regra então não vale julgar. No seu caso o contato de vocês não se resume a msn, orkut e twitter, o companherismo entre os dois não é virtual ele é bem real. Concorodo quando você diz que ninguém pode dar o que nunca recebeu e é isso que acontece muitas vezes, eu posso contar nos dedos quantas vezes eu falei eu te amo, exatamente por valorizar o que essa frase significa.

      Então não vale ficar brava comigo, como eu disse você é exceção, foge a regra.

      Beijo e obrigado pelo comentário!

  4. OI Philipe,
    Apenas para acrescentar infos: o nome do lenço das milícias do oriente médio chama-se “kefia” e as pretas e brancas acabaram se tornando o símbolo da causa palestina pq do ex-líder o Yasser Arafat. Já as vermelhas são usadas mais no golfo (Arábia Saudita, Kuwait, Emirados…). E as que roxas, rosas e verdes criações da modernidade rsrs
    Ah e concordo plenamente com a postura do “te amo”, afinal tem gente que troca de namoro e frase como se tirasse as luvas!!

    bjs

  5. concordo plenamente amor é algo muito serio pra esta tão ridicularizado na boca de quem ñ sabe o que e amor de verdade. bjs a todos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s